Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

TrainerPT.com

Tabela Nutricional Guia

18.08.22

Vão ao supermercado e querem escolher os melhores produtos para consumir mas não sabem bem como os identificar? Aqui em baixo está uma tabela nutricional guia para vos ajudar. Basta fazerem download da imagem para o telemóvel e nunca vos vai faltar a ajuda na seleção dos produtos mais saudáveis.

Boas compras!

Untitled design (1).png

 

Vício em Açúcar: Facto ou Mito?

17.08.22

vício do açúcar.png

Será que podemos ficar mesmo viciados em açúcar? 

O açúcar alimenta as células do cérebro e o cerébro vê o açúcar como uma "recompensa", o que faz com que queiramos mais e mais. Comer açúcar liberta opióides e dopamina, que é um neurotransmissor associado ao comportamento viciante.

Se comermos um chocolate (carbohidrato simples), o açúcar nele vai ser transformado rapidamente em glicose na corrente sanguínea, logo os níveis de açúcar no sangue aumentam. Os carbohidratos simples também são encontrados na laticínios, fruta e vegetais, mas como têm fibras e proteínas retardam o processo de absorção de glicose.

O açúcar pode ser encontrado em vários lugares, não só nos doces. As batatas fritas, o pão branco, bolachas e massas são exemplos. Portanto, se acha que só porque não gosta de doces não está viciado em açúcar está enganado. A maior parte da população mundial está.

A boa notícia é que somos seres de rotinas e que não precisamos assim tanto de açúcar como pensamos. Podemos-nos treinar para gostar de coisas mais saudáveis e fazendo disso a nossa rotina, daí para a frente entrar num regime alimentar mais saudável já não é custoso.

Existem várias maneiras de cortar no açúcar. Por exemplo:

  • reduza/corte no açúcar do café
  • não coma sobremesa ou substitua-a por uma peça de fruta
  • troque o iogurte normal por um iogurte sem açúcares adicionados
  • opte por água e deixe os refrigerantes de parte
  • coma mais proteína e fibras - fica mais saciado e não corre da glicose subir rapidamente
  • faça exercício físico - vai combater essa gula por açúcar e o stress que muitas vezes é o causador de uma má alimentação

Se fizer estas pequenas mudanças vai ser mais fácil de as manter a longo prazo. Leia os rótulos dos produtos que consome e escolha os que têm menos açúcar (veja aqui como ler tabelas nutricionais). Vá cortando aos poucos e ao fim de algumas semanas vai ver a diferença e a falta que esse açúcar não lhe faz.

Perder Peso de Forma Sustentável

05.08.22

perda de peso sustentável.png

Cada vez mais vivemos numa sociedade sedentária e onde se tornou fácil o acesso a comidas fast food. E é por esta razão que a grande maioria das pessoas que iniciam uma atividade física, seja ela ginásio, caminhadas, corridas, têm como objetivo perder peso. No entanto, por vezes, perder peso em si nem é difícil. O que se torna difícil é manter o peso e sustentá-lo de forma saudável o resto da vida. E como o podemos fazer?

Para comerçar, é necessário entrar em défice calórico. O que é isto? Basicamente, é a diferença entre as calorias ingeridas e as calorias gastas. É fácil calcular as calorias ingeridas através de aplicações ou com um(a) nutricionista. As calorias gastas podem ser calculadas através do nosso metabolismo basal (LINK). Depois de tudo calculado, é preciso ajustar a alimentação com o auxílio de um profissional para, então, entrar em défice calórico.
Quando mais "cortarmos" na dieta, mais peso perdemos. Mas será isto saudável e sustentável? O nosso corpo precisa da ingestão diária de nutrientes para funcionar eficientemente e só através da alimentação isso é possível. Desta forma, é essencial um plano alimentar adequado ao nosso objetivo e bem-estar. Com a ajuda de um Personal Trainer e de um plano de treino ajustado, seguro e equilibrado, as calorias gastas vão aumentar. Com esta combinação, a perda de peso vai-se tornar sustentável.

Um estudo recente analisou a perda de peso de 250 pessoas com excesso de peso. Uns seguiram a dieta de jejum intermitente, outros uma dieta mediterrânea e outros a dieta Paleo. Os resultados mostraram que, independentemente da dieta escolhida, os indivíduos que conseguiram manter uma dieta consistente por mais de 12 meses foram os que tiveram melhores resultados.

Com isto se conclui que o ideal é encontrar uma dieta que se ajuste a cada um, uma dieta que seja rica em nutrientes e pobre em calorias "vazias" e um treino ajustado para, então, perder peso de forma saudável e sustentável.